Profissionais da indústria buscam alternativas contra o Coronavírus

26 Mar

Blog

Neste momento triste que o Brasil e o mundo estão vivendo, é possível enxergar a solidariedade e empatia em diversas comunidades, que se movimentam para criar as mais diversas soluções. Não é diferente no mundo da indústria e tecnologia. 

Profissionais da indústria estão se movimentando em busca de alternativa para respiradores, essenciais no tratamento dos pacientes mais graves do Covid-19. 

Uma das iniciativas interessantes é o “Respirador Hacker”, criado pelo Laboratório Hacker de Campinas, que tem como objetivo criar um modelo open-source de respirador alternativo, visando auxiliar o sistema de saúde em uma possível sobrecarga devido à COVID-19. Acesse aqui.

Outra iniciativa muito importante é a promovida pela Fab Lab de Belo Horizonte: um levantamento de arquivos open source de acessórios médios e EPIs, disponibilizados na Internet para o combate à Covid-19. Entre os EPIs disponibilizados no documento temos:

Os outros materiais disponíveis – bem como todas as discussões sobre o assunto – estão disponíveis no grupo do telegram voltado à Indústria 4.0:

Enquanto isso, na Natura…

Fizemos alguns testes por aqui e imprimimos os suportes para viseira:

Outras Iniciativas:

A aliança entre os Consórcios da Zona Franca em Barcelona(CZFB), HP, Leitat (Tecnio) em conjunto com a CatSalut, através do Consorci Sanitari de Terrassa (CST) e o Hospital O Parc Taulí de Sabadell, desenvolveu o primeiro dispositivo de respiração de emergência impresso em 3D industrializado em campo * para apoiar hospitais e UTIs. O dispositivo é uma máscara mecânica de válvula de bolsa (BVM) que pode ser usada para ventilação de emergência a curto prazo de pacientes com COVID-19.

Em resposta à rápida expansão do vírus COVID-19, que gerou uma escassez de equipamentos médicos, especialmente respiradores, essenciais para salvar a vida dos pacientes nesta emergência, a Leitat projetou um respirador de campo feito em 3D que permite a este sistema de saúde ser disponibilizado elemento essencial.

Atualização [23-3-2020]

Embora este dispositivo tenha sido inicialmente descrito como uma unidade de ventilação, foi apontado que é uma unidade de emergência que os paramédicos usariam. É um BVM / ensacador mecânico, não um ventilador adequado. Embora a integração de um motor seja possível para ajudar pacientes com dificuldades respiratórias, os pacientes mais graves precisarão de ventilação prolongada (2 semanas +) com configurações controladas com base em suas condições variáveis, humificação, oxigênio, filtragem, ajuste passivo e ativo da pressão o voo. Isso significa que muito mais está envolvido na produção de um ventilador de oxigênio de emergência padrão para terapia intensiva.

Leia mais

O site 3D Print Media também divulgou uma notícia de como as impressoras 3D estão auxiliando na produção de uma válvula para as Máscaras Venturi, que misturam o Oxigênio puro das linhas do hospital com o ar ambiente, criando um ar mais oxigenado (acima dos 21% naturais). Na notícia completa, é possível acompanhar as atualizações de como a impressora 3D está ajudando neste processo e, inclusive, um vídeo simulando como o oxigênio deve circular pela válvula:

É dessa forma, com engajamento, conhecimento, tecnologia, troca de experiência e muita empatia, que poderemos solucionar os grandes desafios do futuro. Estaremos juntos para divulgar iniciativas e trabalhar para criar soluções que nos levarão a um futuro melhor! 

Categorias

E-book grátis

Que tal fazer parte do
nosso grupo no Telegram?

Clique para entrar
Abrir WhatsApp
Precisa de ajuda?
Olá! Tudo bom? Que tal falarmos pelo WhatsApp? Vai ser um prazer te ajudar ;)